Professor é acusado de abusar de crianças no Guará



O professor de catequese de uma paróquia do Guará estava acima de qualquer suspeita, principalmente dos pais de alunos. E por muito tempo. Há mais de 20 anos, José Antônio da Silva, 47 anos, é suspeito de abusar de crianças de 4 e 10 anos, seus alunos nas aulas de religião e também numa escolinha de futebol, onde atuava como monitor.
Mais de 15 vítimas já foram identificadas e ouvidas pela polícia, mas os investigadores acreditam que o número de vítimas do “professor” era bem maior. José Antônio Silva está sendo enquadrado por estupro de vulnerável, em cada um dos casos já identificados.
De acordo com o delegado titular da 4ª Delegacia de Polícia do Guará, João Maciel, a maioria das vítimas era de meninos. Quando a criança completava os 10 anos, ele parava com os estupros. Ainda segundo a polícia, os estupros aconteciam na casa da mão do acusado, para onde as crianças eram atraídas com promessas ou presentes. Entre as vítimas identificadas estão também sobrinhos e afilhados dele.
A Justiça do DF expediu mandado de prisão preventiva contra o suspeito. Quem tiver informações sobre o paradeiro de José Antônio Silva, contatar o telefone 197, ou enviar mensagem pelo e-mail: denuncia197@pcdf.df.gov.br.

SHARE