Oficina infantil na horta comunitária ensina a fazer papel reciclado

A Horta Comunitária do Guará, realizou no último sábado (13), no Centro de Educação Ambiental, uma oficina infantil com o objetivo de ensinar crianças a produzirem papel reciclado.  O foco teve por objetivo promover o aprendizado a partir da arte e da educação ambiental, com a facilitadora e artesã Gabriela Maria, empreendedora virtual “Maria do Caderninho”.

Durante os ensinamentos, foi utilizada a tecnologia sustentável de produzir papel por meio da reciclagem reutilizando papeis usados, água, recipiente, liquidificador e tela.  De acordo com a artesã, a técnica é tão simples que poderá ser reproduzida em casa.

A atividade envolveu o recorte de papéis em pequenos pedaços colocados em um recipiente com água e batidos no liquidificador, depois despejados em outro recipiente maior e misturados até virar uma massa que seria passada por uma tela e colocada para secar.

Depois de secos, cada criança poderá utilizar o papel produzido em atividades desenvolvidas pelo Centro de Educação Ambiental. “A ideia é deixar cada criança com seu trabalho para ser utilizado nas atividades do Centro” explica Gabriela.

O papel reciclado pode ser usado para encadernação, agendas, bloquinhos, objetos de decoração e outros artesanatos.

Para a artesã, a reciclagem é importante para o meio ambiente porque evita a derrubada de árvores para confecção da matéria prima do papel, proporciona economia de energia e água que seriam gastos na produção de mais papel, gera empregos e contribui na limpeza das vias públicas diminuindo o descarte nas ruas.

Encontros

Além das oficinas, a Horta comunitária também realiza Encontros quinzenais com os voluntários para plantar, cuidar e colher verduras e hortaliças que são distribuídas entre as famílias e para fazer doações a entidades sociais do Guará. No último Encontro, o Seminário Rogacionista, do Setor de Chácaras do IAPI, foi o beneficiado com a entrega de cestas.

O Encontro também recebeu as visitantes Ricielly Silva e Lilian Ramos, que foram conhecer o projeto e adquirir conhecimentos e técnicas do cultivo para implantar projeto semelhante no bairro do Sol Nascente.

O Projeto Horta Comunitária localizado na QE 38, conta atualmente com cerca de 150 voluntários e com apoiadores do comercio local e da Administração Regional do Guará.

 

 

 

SHARE