Começou o terrão de veteranos da 18. Mas já foi suspenso

Copa teve apenas a primeira rodada e vai continuar quando a saúde pública permitir

Foi apenas a primeira rodada. Começou no domingo passado, a XVII Copa Guará de Veteranos do “terrão da 18”. Mas, por causa das recomendações do governo para evitar contaminação pelo coronavírus, a competição foi suspensa até a crise arrefecer e permitir agrupamento de pessoas.
A Copa estava prevista para terminar no dia 23 de julho, para logo depois iniciar o Campeonato de Terrão para atletas com menos de 40 anos. Com a suspensão, não há mais data prevista para as duas competições.
A Copa Guará está sendo disputada por 10 equipes, no total de 250 atletas, entre eles, ex-profissionais como Márcio Costa, ex-Flamengo e campeão mundial pelo Corinthians, Allan Delon, ex-Vitória, Vasco e Brasiliense, Éder e Ed Carlos, ex-CR Guará.

O campo de terra batida da QE 18 do Guará I é o mais conhecido do DF. Os seus torneios, coordenados por Solano (esquerda), são os mais prestigiados por jogadores ex-profissionais.

Vestiário e arquibancada
Deve atrasar também a construção dos vestiários e banheiros públicos, que estava prevista para ser iniciada em agosto, com recursos de emenda parlamentar destinada pelo deputado distrital Robério Negreiros. O campo recebeu iluminação no ano passado, com emendas do ex-deputado distrital Chico Leite.
A meta, agora, depois dos vestiário e banheiros, é conseguir recursos para arquibancada, de acordo com o coordenador dos torneios do terrão, Solânio de Oliveira Souza, o Solano. “A 18 não é apenas o campo de terra batida, mas é um complexo, com quadras de futevôlei, futebol de salão e outros esportes. Por isso, precisa de uma estrutura melhor, principalmente dos banheiros públicos”, diz ele.

SHARE